Casa da Malta

Refúgio de oprimidos, de famintos de pão e calor humano, casa de vagabundos, símbolo de solidariedade, muro por detrás do qual se defende desesperadamente a dignidade humana. Uma obra que marcou definitivamente o percurso de um grande escritor.

15,00 

15,00 

informação do livro

Casa da Malta de Fernando Namora. Editorial Inquérito. Lisboa, 1951, 195 págs. Mole.

Alfarrabista

 

2ª Edição. Ilustrada por Manuel Ribeiro Pavia

Fernando Namora (Condeixa-a-Nova, 15 de Abril de 1919 – Lisboa, 31 de Janeiro de 1989) de nome completo Fernando Gonçalves Namora, médico e escritor português, foi autor de uma extensa obra que, durante os anos 70 e 80, foi das mais divulgadas e traduzida


Refúgio de oprimidos, de famintos de pão e calor humano, casa de vagabundos, símbolo de solidariedade, muro por detrás do qual se defende desesperadamente a dignidade humana. Uma obra que marcou definitivamente o percurso de um grande escritor.

Peso 190 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja