Publicado em

Vicente Sanches

Professor do ensino liceal, nascido em 1936, em Castelo Branco, dedicou a sua carreira literária à criação teatral. Encontrando-se na sua quase totalidade inéditas em cena, as suas peças, revelando uma vocação incontestável para os géneros cómico e tragicómico, introduzem, segundo Luiz Francisco Rebello, uma “nota moderna de ambiguidade na dialética pirandelliana do ser e das aparências, tingindo-a de uma coloração absurda.” (cf. 100 Anos de Teatro Português, Porto, 1984, p. 122).