Teixeira de Pascoaes

«A peoesia brota inesperadamente entre as mais abstrusas considerações filosóficas, como a violeta desabrocha, na Primavera, nos bosques, ao pé das árvores entre folhas murchas e os espinhos, perfumando o ar com o seu hálito.» (p. 24-25)

Teixeira de Pascoaes de Guido Battelli

Passa hoje o primeiro aniversário da morte de Teixeira de Pascoaes. Da morte? Da sua ressurreição!
Neste breve mas lúcidò intervalo (o re morso é a bondade dos maus) vário se tem escrito acerca da sua personalidade literária, a mais autêntica, profunda e pura que brofou em Portugal.
Esta data não devia pois, sem mácula para a consciência e dignidade lusíadas, passar des percebida. Assim, é quanto basta para ora jus tificar a presença de Guido Battelli, antigo lei for de italiano na Universidade de Coimbra, um dos raros escritores italianos que se tem dedicado à literatura portuguesa contemporânea.

7,50 

informação do livro

Teixeira de Pascoaes de Guido Battelli. Coimbra Editora. Coimbra, 1953, 58 págs. Brochado.

Alfarrabista

 

Sem apontamentos

Passa hoje o primeiro aniversário da morte de Teixeira de Pascoaes. Da morte? Da sua ressurreição!
Neste breve mas lúcidò intervalo (o re morso é a bondade dos maus) vário se tem escrito acerca da sua personalidade literária, a mais autêntica, profunda e pura que brofou em Portugal.
Esta data não devia pois, sem mácula para a consciência e dignidade lusíadas, passar des percebida. Assim, é quanto basta para ora jus tificar a presença de Guido Battelli, antigo lei for de italiano na Universidade de Coimbra, um dos raros escritores italianos que se tem dedicado à literatura portuguesa contemporânea.

Peso 90 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja