Sindicatos – Arma Contra-Revolucionária

Anton Pannekoek

5,00 

Título: Sindicatos – Arma Contra-Revolucionária
Autor: Anton Pannekoek
Edição: Spartacus
Ano: 1974
Páginas: 66
Encadernação: Mole
Tradução: E. S.

SOBRE
Os trabalhadores, enquanto classe, não se preocupam nada com o bom andamento dos negócios. De facto, é quando o capitalismo está mais fraco que eles terão mais possibilidades de o atacar, de unir forças e dar o primeiro passo para a liberdade e a revolução».
«O sindicalismo tem horror ao comunismo, que representa uma ameaça permanente à sua própria existência. Em regime comum nista não há patrões nem, por conseguinte, sindicatos».


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar