Salústio, o Espanta Pardais

Salústio, o Espanta Pardais de Cecília Rezende Nunes da Silva

Salústio tem a obrigação de não deixar que os pardais pousem na horta para não comerem as plantinhas que estão a nascer na horta. Agita os braços, a roupa badala com o vento, os pardalitos assustam-se e voam para longe. Salústio fica triste: gostava que eles voassem à volta dele, pousassem nele, chilreassem, cantassem. A sua tristeza é grande. Mas há um menino que vem à horta todos os dias. É um menino especial que vai descobrir a tristeza do espantalho e encontra uma solução.

5,00 

informação do livro

Salústio, o Espanta Pardais de Cecília Rezende Nunes da Silva. Edições Vieira da Silva. 2016, 59 págs. Brochado.

Alfarrabista

 

Sem apontamentos

Salústio tem a obrigação de não deixar que os pardais pousem na horta para não comerem as plantinhas que estão a nascer na horta. Agita os braços, a roupa badala com o vento, os pardalitos assustam-se e voam para longe. Salústio fica triste: gostava que eles voassem à volta dele, pousassem nele, chilreassem, cantassem. A sua tristeza é grande. Mas há um menino que vem à horta todos os dias. É um menino especial que vai descobrir a tristeza do espantalho e encontra uma solução.

Peso 155 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja