Portugal, uma perspectiva da sua história

Flausino Torres

Indisponível

Título: Portugal, uma perspectiva da sua história
Autor: Flausino Torres
Edição: Afrontamento
Ano: 1970
Páginas: 354
Encadernação: Mole
Obs.: Assinatura de posse

 

Categoria: Etiqueta:

EXCERTO
A história de Portugal não acabou: tal como um automóvel que se compra e que se usa, não foram aqueles que trabalharam nele, na sua construção os únicos que contribuiram e estão contribuindo para que ele exista – nós que andamos pelas estras fora, prolongamos-lhe a vida, fazemos-lhe a vida, a história; ou encuramo-la, quando o tratamos mal.


SOBRE O AUTOR

Flausino Torres

(1906-1974)

Desceu até Coimbra nos anos 20 para ir à universidade. Depois seguiu para Lisboa, onde se tornou, durante a década de 40, um intelectual prestigiado nos meios oposicionistas (em boa medida graças aos livros que escreveu para a Biblioteca Cosmos de Bento de Jesus Caraça). Na década de 50, porém, Flausino regressa a Tondela. Cultiva a terra que herdou e lecciona num colégio particular. Mas é de novo sol de pouca dura. Afastado do colégio e após experiência prisional curta e violenta às mãos da PIDE, que se veio somar às prisões de sua filha Marcela e de seu filho Cláudio, parte de novo em viagem e chega à Argel dos anos 60. O ofício de historiador ocupava-o desde há muito. Para a Biblioteca Cosmos havia escrito sobre as civilizações ditas primitivas, rondando temas hoje estudados pelo seu filho.  Em Praga escreveu mesmo a única História de Portugal de síntese comunista. 


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar