Mulheres

Escritor marginal e alcoólico inveterado, Henry Chinaski é um sobrevivente. Aos 50 anos, após décadas de biscates mal pagos e sem futuro, a estourar dinheiro com mulheres e copos, a sua carreira como poeta lança-o finalmente para o estrelato. O sucesso inesperado traz consigo um desejo insaciável de recuperar o tempo perdido, de viver o que não viveu. Um ritmo frenético de encontros sexuais e ressacas épicas compõem o retracto de um hedonista incorrigível que procura nas mulheres, não o amor, mas a inspiração.
Romance semi-autobiográfico, Mulheres é um relato brutalmente humano e honesto de noites intoxicadas e mulheres perdidas. No seu registo cru e negro e com uma perspicácia caricatural sobre os relacionamentos humanos, Bukowski recebe-nos no seu quotidiano rocambolesco, onde há sempre mais uma cerveja por abrir e uma mulher para seduzir.

Escritor marginal e alcoólico inveterado, Henry Chinaski é um sobrevivente. Aos 50 anos, após décadas de biscates mal pagos e sem futuro, a estourar dinheiro com mulheres e copos, a sua carreira como poeta lança-o finalmente para o estrelato. O sucesso inesperado traz consigo um desejo insaciável de recuperar o tempo perdido, de viver o que não viveu. Um ritmo frenético de encontros sexuais e ressacas épicas compõem o retracto de um hedonista incorrigível que procura nas mulheres, não o amor, mas a inspiração.
Romance semi-autobiográfico, Mulheres é um relato brutalmente humano e honesto de noites intoxicadas e mulheres perdidas. No seu registo cru e negro e com uma perspicácia caricatural sobre os relacionamentos humanos, Bukowski recebe-nos no seu quotidiano rocambolesco, onde há sempre mais uma cerveja por abrir e uma mulher para seduzir.

Esgotado

informação do livro

Título: Mulheres
Autor: Charles Bukowski
Edição: Dom Quixote
Colecção | Nº: Ficções & Cª
Ano: 1985
Páginas: 292
Encadernação: Mole
Capa: Fernando Felgueiras
Tradução: Ferando Luís
Título Original: Women
Depósito Legal: 9972/85

Alfarrabista

 

Assinatura de posse

Escritor marginal e alcoólico inveterado, Henry Chinaski é um sobrevivente. Aos 50 anos, após décadas de biscates mal pagos e sem futuro, a estourar dinheiro com mulheres e copos, a sua carreira como poeta lança-o finalmente para o estrelato. O sucesso inesperado traz consigo um desejo insaciável de recuperar o tempo perdido, de viver o que não viveu. Um ritmo frenético de encontros sexuais e ressacas épicas compõem o retracto de um hedonista incorrigível que procura nas mulheres, não o amor, mas a inspiração.
Romance semi-autobiográfico, Mulheres é um relato brutalmente humano e honesto de noites intoxicadas e mulheres perdidas. No seu registo cru e negro e com uma perspicácia caricatural sobre os relacionamentos humanos, Bukowski recebe-nos no seu quotidiano rocambolesco, onde há sempre mais uma cerveja por abrir e uma mulher para seduzir.

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja