Gaivotas em Terra

David Mourão-Ferreira

Indisponível

Título: Gaivotas em Terra
Autor: David Mourão-Ferreira
Edição: Dom Quixote
Colecção | Nº: Romances Exemplares | 17
Ano: 1970
Páginas: 267
Encadernação: Mole

SOBRE
É claro que, na posse destes fios subterrâneos, David Mourão-Ferreira poderia ter escrito um romance e poderia ter-lhe chamado «Gaivotas em Terra». Queremos apenas frisar que estas novelas possuem uma unidade subjacente, ao contrário de outros conjuntos de contos e novelas, dos mais diferentes autores. «Gaivotas em Terra» apresenta uma particularidade: um enraizamento lisboeta, um conhecimento sensorial da cidade, que só um lisboeta de gema poderia ter escrito esse livro. São quatro excelentes novelas, narradas de quatro pontos de vista diferentes. Quem sabe se o romance tornou impossível devido precisamente a esse gosto de variação do ponto de vista do narrador? Seja como for, tal variação é ainda mais um valor a acrescentar à técnica a ao estilo do narrador.


SOBRE O AUTOR

David Mourão-FerreiraDavid de Jesus Mourão-Ferreira (1927-1996). Licenciou-se em Filologia Românica, em 1951, com uma tese sobre Sá de Miranda, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Publica os seus primeiros ensaios, designadamente nas revistas Seara Nova e Ocidente, e dirige as folhas de poesia Távola Redonda (1950). Entre 1957 e 1963 foi assistente da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde foi readmitido, como professor auxiliar, em 1970. Aí marcou várias gerações de estudantes na regência das cadeiras de Teoria da Literatura e de Literatura Portuguesa. O ano de 1969 marca o início do programa televisivo «Imagens da Poesia Europeia». Em 1974-75 foi director do jornal A Capital e logo a seguir director-adjunto de O Dia; entre 1984 e 1986 foi presidente da Associação Portuguesa de Escritores, e, em 1991, presidente do Pen Club Português. Da sua bibliografia destacam-se as obras: Gaivotas em Terra (1959); In Memoriam Memoriae (1962); Os Amantes (1968); Um amor feliz (1986).


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar