Évora e o Ultramar

Gabriel Pereira

15,00 

Título: Évora e o Ultramar
Autor: Gabriel Pereira
Edição: Minerva Eboresen
Colecção | Nº: Estudos Eborenses | 17
Ano: 1888
Páginas: 2 Vols.
Encadernação: Mole

SOBRE
1ª PARTE
BALTHAZAR JORGE EM DIO. O TESTAMENTO E O INVENTARIO. OS NEGOCIOS, AS ARMAS E OS LIVROS. OS PAPEIS DE MARCO ANTONIO PESSANHA OU FREL MARCOS DE S. ANTONIO. GUERREIRO E FRADE. EBORENSES EM ORMUZ.

2ª PARTE
DIOGO DE AZAMBUJA E DIOGO DE AZAMBUJA DE MELLO. DOCUMENTOS DO ARCHIVO DA SANTA CASA. A BAGAGEM DE UM CAPITÃO PORTUGUEZ NO SECULO XVI


SOBRE O AUTOR

Gabriel Pereira

(1847 – 1911)

Conservador e Director da Biblioteca Nacional, cargo que exerceu entre 1888 e 1902. encontrou em Évora um conjunto de fundos bibliográficos e arquivísticos assim como um vasto espólio arqueológico de suporte ao seu trabalho enquanto erudito. Dirigiu, juntamente com Enrique Casanova, a revista de arqueologia A Arte Portuguesa (1905). Traduziu do latim os grandes escritores gregos e romanos, nomeadamente Estrabão e Plínio, que caracterizaram a geografia da Península Ibérica. Uma das suas obras mais conhecidas, Estudos Eborenses, constitui uma importante referência para a história da cidade de Évora.


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar