Epistolário Russo

Predrag Matvejevitch

Indisponível

Título: Epistolário Russo
Autor: Predrag Matvejevitch
Edição: Quetzal
Ano: 1995
Páginas: 315
Encadernação: Mole
Capa: Rogério Petinga
Tradução: Pedro Tamen
Título Original:Epistolaire de l’ autre Europe
Depósito Legal: 88732/95
ISBN: 972-564-219-8
Introdução: Robert Bréchon
Obs.: Com dedicatória.

SOBRE
Este livro é uma crónica do nosso tempo: os historiadores do futuro aqui acharão documentos, relatos de acontecimentos, retratos. Podemos le-lo também como um romance, onde se entrecruzam, se fazem e se quebram os destinos. Mas ele transcende os factos em bruto que relata. Ainda que nele se fale de politica, o designio do autor é acima de tudo moral. Se o palco é a Europa do nosso tempo, tudo se situa, contudo, no domínio dos valores. Trata-se de saber o que pode e o que vale o homem. Matvejevitch professa dolorosamente a sua fé humanista desencantada mas não desce perada. Como o seu mestre, o croata Krleža, ele acreditou que os povos eslavos do Sul podiam entender-se e viver em conjuntos. Como o outro grande escritor jugoslavo, o bósnio Andric, ele sabe que isso já não se pode conceber. Andri? foi o único que pressentiu, com grande antecipação, a maldição que um dia se abateria sobre o seu país. «Vós amais ardente mente a vossa terra natal, mas de très ou quatro maneiras que se excluem mutuamente, com um fervor que é gerador de uma hostilidade impie dosa. Acabará a hostilidade por ser mais forte que o fervor? Quem sabe? O futuro está em aberto; tudo é sempre possível, mesmo o improvável.


SOBRE O AUTOR

Predrag MatvejevitchNascido na Bósnia-Herzegovina (Mostar, 1932), filho de pai russo e mãe croata, Predrag Matvejevitch foi um dos mais eminentes ensaístas eslavos. Deixou a Jugoslávia após a queda do muro de Berlim, assumindo um estatuto «entre o asilo e o exílio». Foi professor universitário em Roma e Paris, e nomeado conselheiro para o Mediterrâneo do Grupo de Sábios da União Europeia. Tornou-se um mestre incontestável da geopoética através dos seus numerosos escritos sobre o Mediterrâneo, entre os quais o Breviário Mediterrânico, publicado pela Quetzal numa edição revista – com tradução do poeta Pedro Tamen. Predrag Matvejevitch morreu em Zagreb, na Croácia, em 2017.


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar