Duas Histórias de Lisboa

«A partir daí a própria Lisboa lhe pareceu durante semanas a fio, ora de uma flamejante e insuportável beleza (…), ora de uma parda e confrangedora monotonia.» Tal como a Adrião Quintas, personagem de um dos contos que compõem este volume, também ao leitor a cidade apre- senta uma multiplicidade de rostos que são reflexos de outros tantos olhares. Em «A tua Véspera de Natal» e «0 Cachimbo do Santo» o espaço determina o tom e é a cidade que domina, mesmo quando o passeio é pela paisagem interior de um lisboeta. Um passeio em que se reconhecem e adivinham nomes, rostos e lugares que compõem as mitologias locais. No Roteiro Literário, sucessão de viagens pelo melhor da literatura mundial propomos agora Lisboa e David Mourão-Ferreira. Deixamos ao leitor o prazer do reencontro.

Indisponível

Esgotado

Indisponível

Esgotado

informação do livro

Duas Histórias de Lisboa de David Mourão-Ferreira. Editorial Labirinto. Lisboa, 1985, 103 págs. Mole.

Alfarrabista


[Assinatura de posse]

«A partir daí a própria Lisboa lhe pareceu durante semanas a fio, ora de uma flamejante e insuportável beleza (…), ora de uma parda e confrangedora monotonia.» Tal como a Adrião Quintas, personagem de um dos contos que compõem este volume, também ao leitor a cidade apre- senta uma multiplicidade de rostos que são reflexos de outros tantos olhares. Em «A tua Véspera de Natal» e «0 Cachimbo do Santo» o espaço determina o tom e é a cidade que domina, mesmo quando o passeio é pela paisagem interior de um lisboeta. Um passeio em que se reconhecem e adivinham nomes, rostos e lugares que compõem as mitologias locais. No Roteiro Literário, sucessão de viagens pelo melhor da literatura mundial propomos agora Lisboa e David Mourão-Ferreira. Deixamos ao leitor o prazer do reencontro.

Peso 120 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja