Curva do Rio

Situada num país africano sem nome, a história é narrada por Salim, um jovem adulto filho de comerciantes indianos há muito estabelecidos naquele bocado de costa. Ele acredita que que o mundo é o que é e que quem não é alguém não tem lugar nele. Assim, decide abandonar a faixa costeira e torna-se dono da sua própria loja numa pequena cidade em crescimento, no interior mais remoto do continente. Este lugar, esta “curva no rio”, porém, é um micro-cosmo da África pós-colonial no momento da sua independência: um cenário de caos, mudança, violência, guerras tribais, ignorância, isolamento e pobreza. Desta paisagem riquíssima, emerge uma das obras mais poderosas de V.S. Naipaul, a Curva do Rio – uma emocionante história de sublevação e desmoronamento social.

Curva do Rio de V. S. Naipaul

Situada num país africano sem nome, a história é narrada por Salim, um jovem adulto filho de comerciantes indianos há muito estabelecidos naquele bocado de costa. Ele acredita que que o mundo é o que é e que quem não é alguém não tem lugar nele. Assim, decide abandonar a faixa costeira e torna-se dono da sua própria loja numa pequena cidade em crescimento, no interior mais remoto do continente. Este lugar, esta “curva no rio”, porém, é um micro-cosmo da África pós-colonial no momento da sua independência: um cenário de caos, mudança, violência, guerras tribais, ignorância, isolamento e pobreza. Desta paisagem riquíssima, emerge uma das obras mais poderosas de V.S. Naipaul, a Curva do Rio – uma emocionante história de sublevação e desmoronamento social.

INDISPONÍVEL

informação do livro

Título: Curva do Rio
Autor: V. S. Naipaul
Edição: Dom Quixote
Colecção | Nº: Ficção Universal | 75
Ano: 1990
Páginas: 337
Encadernação: Mole
Tradução: José Vieira de Lima
Título Original: A Bend in the River
ISBN: 972-20-0817-XX

Alfarrabista

 

Sem apontamentos

Situada num país africano sem nome, a história é narrada por Salim, um jovem adulto filho de comerciantes indianos há muito estabelecidos naquele bocado de costa. Ele acredita que que o mundo é o que é e que quem não é alguém não tem lugar nele. Assim, decide abandonar a faixa costeira e torna-se dono da sua própria loja numa pequena cidade em crescimento, no interior mais remoto do continente. Este lugar, esta “curva no rio”, porém, é um micro-cosmo da África pós-colonial no momento da sua independência: um cenário de caos, mudança, violência, guerras tribais, ignorância, isolamento e pobreza. Desta paisagem riquíssima, emerge uma das obras mais poderosas de V.S. Naipaul, a Curva do Rio – uma emocionante história de sublevação e desmoronamento social.

Peso 460 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja