Cartilha do Marialva ou das Negações Libertinas

Sétima edição com capas e guachos de Costa Pinheiro.

Dada à estampa originalmente em 1960 e limitada a escassos quatrocentos exemplares a ‘Cartilha do Marialva’ obteve, ainda assim, uma notória repercussão no meio cultural acanhado da época.

Diz-nos Alexandre Pinheiro Torres que a «ágil e arguta meditação sobre o medievalismo contemporâneo», permitiu o aparecimento — ou a redescoberta crítica? — de «uma nova figura da sociologia portuguesa: o Marialva» logo gerou, e por bem, uma viva controvérsia, facto mais de salientar atendendo à reduzida tiragem”.

15,00 

15,00 

informação do livro

Cartilha do Marialva ou das Negações Libertinas de José Cardoso Pires. Publicações Dom Quixote. Lisboa, 1989, 175 págs. Dura. Sobrecapa. Il.

Sem apontamentos.

Sétima edição com capas e guachos de Costa Pinheiro.

Dada à estampa originalmente em 1960 e limitada a escassos quatrocentos exemplares a ‘Cartilha do Marialva’ obteve, ainda assim, uma notória repercussão no meio cultural acanhado da época.

Diz-nos Alexandre Pinheiro Torres que a «ágil e arguta meditação sobre o medievalismo contemporâneo», permitiu o aparecimento — ou a redescoberta crítica? — de «uma nova figura da sociologia portuguesa: o Marialva» logo gerou, e por bem, uma viva controvérsia, facto mais de salientar atendendo à reduzida tiragem”.

Peso 1050 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja