Carta do Fim do Mundo

Acabado de chegar à América, Colombo tem que regressar a Espanha para dar noticia do Descobrimento. Almirante deixa em La Española 39 homens encarregados de levantarem o Forte de la Navidad e constituirem a vanguarda da evangelização do continente. Vamos conhecer os LAVA acontecimentos do dia a dia dessa gente, as constantes surpresas com que se defrontam e as intrigas e disputas que surgem no seio de tão pequena comunidade, através da carta que Domingo Pérez, tanoeiro, escreve ao seu irmão. Saberemos, também, do seu amor por Nagala, a criatura mais formosa e digna de admiração que viu na sua vida, e da existência, no meio da floresta tropical, de um portugués. Álvaro de Almeyda, que há muitos anos se transformou num Deus, o Yucemi dos indios.

6,00 

6,00 

informação do livro

Carta do Fim do Mundo de José Manuel Fajarda. Editorial Teorema. Lisboa, 1998, 165 págs. Mole.

Alfarrabista


Sem apontamentos.

Acabado de chegar à América, Colombo tem que regressar a Espanha para dar noticia do Descobrimento. Almirante deixa em La Española 39 homens encarregados de levantarem o Forte de la Navidad e constituirem a vanguarda da evangelização do continente. Vamos conhecer os LAVA acontecimentos do dia a dia dessa gente, as constantes surpresas com que se defrontam e as intrigas e disputas que surgem no seio de tão pequena comunidade, através da carta que Domingo Pérez, tanoeiro, escreve ao seu irmão. Saberemos, também, do seu amor por Nagala, a criatura mais formosa e digna de admiração que viu na sua vida, e da existência, no meio da floresta tropical, de um portugués. Álvaro de Almeyda, que há muitos anos se transformou num Deus, o Yucemi dos indios.

Peso 210 g

sugestões do alfarrabista

0
    0
    Carrinho
    Carrinho VazioRegressar à Loja