Publicado em

Stéphane Blanquet

No mesmo ano em que termina os estudos, 1989, cria as Editions Chachal Puant, que editariam entre outros, Chachal Puant e La Monstreuse
Os seus trabalhos podem ser encontrados em numerosas revistas independentes de França, Espanha, U.S.A., Portugal, entre outros países. Em Portugal, esteve exposto no 2º Salão Lisboa de Ilustração e Banda Desenhada em 2000.
Mas é nos livros que Blanquet encontra o seu meio ideal de publicação. Mais de uma trintena de títulos, dívididos por França, Suiça, Espanha, Canadá, Alemanha e Portugal.
Colabora também na imprensa escrita do seu páis, nomeadamente no Libération, Les Inrockuptibles e Yelerama. Desde 1997, dedica-se igualmente ao desenho animado, outra das suas paixões na companhia de Olive, tendo já realizado vários filmes para o Canal+.