Portugal e a Grande Guerra (1914-1918)

15,00 

Título: Portugal e a Grande Guerra (1914-1918)
Autor: Aniceto Afonso
Edição: Verso da História
Ano: 2013
Páginas: 598
Encadernação: Mole
Depósito Legal: 366239/13
ISBN: 978-989-628-183-0

 

Categorias: , Etiqueta:

SINOPSE

A Grande Guerra deflagrou na Europa nos primeiros dias de Agosto de 1914 e só terminou com a assinatura do Armísticio, em 11 de Novembro de 1918. Inicia na convicção de uma campanha curta, a guerra só viria a parar cinquenta e dois meses depois, com sessenta e cinco milhões de homens mobilizados, oito milhões e meio de mortos, vinte milhões de feridos, milhares e milhares de prisioneiros e desaparecidos.
Portugal participou em três frentes de combate (Angola, Moçambique e Flandres), mobilizou mais de cem mil homens e deixou nos campos de batalha mais de oito mil mortos. A Grande Guerra demonstrou como era frágil a ordem internacional baseada no equilíbrio de poderes e numa complexa rede de alianças. O campo de batalha modificou-se. O mundo percebeu a sua nova dimensão. Passámos todos a ser vizinhos.


SOBRE O AUTOR

Oficial do Exército na situação de Reforma, Aniceto Afonso nasceu em Vinhais em 1942. Concluiu o curso da Academia Militar em 1963. Cumpriu comissões em Angola (1969-1971) e em Moçambique 81793-1975). Licenciou-se em História pela Faculdade de Letras de Lisboa em 1980 e fez um mestrado em História Contemporânea de Portugal, pela mesma faculdade, em 1990. Foi diretor do Arquivo Histórico Militar de 1993 a 2007, integrando vários grupos de trabalho e comissões relacionadas com os arquivos de militares, a documentação e História. É membro da Comissão Portuguesa de História Militar.
Publicou Anos da Guerra Colonial, 2009; Portugal e a Grande Guerra, 2003; e Guerra Colonial – Angola, Guiné, Moçambique, 1997-1998 (todos com Carlos de Matos Gomes). É autor de Portugal e a Grande Guerra de 1914-1918, 2006; História de uma Conspiração: Sinel de Cordes e o 28 de Maio, 2001 e Diário da Liberdade, 1995. Colaborou na História de Portugal, 1993 e na História Contemporânea de Portugal, 1986 (ambas dirigidas por João Medina).


 

Também pode gostar…