Apologia da História Política

10,00 

Título: Apologia da História Política
Autor: Maria de Fátima Bonifácio
Edição: Quetzal
Ano: 1999
Páginas: 362
Encadernação: Mole
Título Original: Apologia da História Política: Estudos Sobre o Século XIX Português
Depósito Legal: 137674/99
ISBN: 972-564-383-6

SINOPSE
Dada a desconfiança com que nos meios académicos geralmente se olha para a narrativa política, este livro abre com um ensaio cujas intenções ficam expressas no título que lhe dei: «Apologia da História Política». Depois da «Apologia» vem um estudo global sobre «O século XIX em perspetiva política», em que procuro apresentar uma linha interpretativa suscetível de conferir inteligibilidade a noventa anos de constitucionalismo monárquico marcados por endémica desordem política. Os outros dois estudos aqui reunidos desenvolvem episódios, temporalmente delimitados, da história mais ampla que deixe resumida nu primeiro. Trata-se de «A segunda ascensão e queda de Costa Cabral (1847-51)», que se destina a explicar como se deu, e o que foi, a Degeneração; e de «A republicanização da monarquia (1858-62)», que se destina a revelar o aparecimento muito precoce do anticlericalismo como matriz da ideologia republicana e estratégia de mobilização antidinástica.


SOBRE O AUTOR

Maria de Fátima Bonifácio (n. 1948) doutorou-se (1990) e agregou-se (1997) em História Contemporânea de Portugal na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, onde foi docente de 1980 a 2006, e reformou-se em 2012 como investigadora-coordenadora do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Colaboradora em diversos órgãos de comunicação social, como por exemplo o jornal Público e a revista Atlântico, é autora de várias obras, entre as quais A Monarquia Constitucional, 1807-1910 (2010), Memórias do duque de Palmela (2011), Um Homem Singular (2013) e António Barreto – Política e Pensamento.


OBRAS DO AUTOR


RELACIONADOS


Voltar